Quarta, 19 de Janeiro de 2022
25°

Alguma nebulosidade

Teresina - PI

Saúde Vacinação

Instituto Butantan já trabalha na produção da vacina contra a gripe para 2022

O imunizante já inclui a cepa H3N2 Darwin, que circula no país

12/01/2022 às 16h00
Por: Redação Fonte: News Band
Compartilhe:
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução

O Instituto Butantan vai começar a entregar a vacina contra a gripe que inclui a cepa H3N2 Darwin entre o final de março e o começo de abril.  Se não bastasse a alta dos casos de Covid-19 com o avanço da variante ômicron do coronavírus, a gripe também voltou - e com tudo. Mesmo fora de época, os registros da doença dispararam no país e o sistema de saúde voltou a ficar sobrecarregado.  

Inicialmente, os casos se concentraram no Rio de Janeiro. A cidade registrou mais de 23 mil infecções somente durante o pico da epidemia, em dezembro. Para o virologista da UFRJ Rômulo Neris, mais do que o surgimento da variante H3N2 Darwin do vírus influenza, a explicação para essa elevação está na flexibilização das restrições adotadas durante a pandemia e na baixa cobertura vacinal: “não tem nada que aponte só, por exemplo, que essa variante necessariamente tem uma capacidade de transmissão muito maior. A gente teve a maioria dos estados flexibilizando aglomeração e discutindo a flexibilização do uso de máscaras, mesmo em ambientes fechados. Também tivemos uma cobertura vacinal mais baixa para a gripe no ano passado”.  

A meta do Ministério da Saúde é imunizar 90% dos grupos prioritários - mas, no ano passado, entre as capitais, o índice dificilmente passou de 80%. A boa notícia vem do Instituto Butantan. A produção da vacina que contempla a cepa H3N2 Darwin já está em fase final, como explica o gerente de produção da vacina da Influenza, Douglas Macedo: “a vacina do Butantan é composta por três cepas, a H1N1, a B e a H3N2. Nós estamos finalizando o processo de produção da segunda cepa e, nos próximos dias, iniciamos o da terceira. Assim que tivermos alguns lotes dessa terceira cepa produzidos, a gente começa a misturar esses três vírus e dispor na embalagem que será entregue ao Ministério da Saúde”. 

A vacina contra a gripe aplicada atualmente, da campanha do ano passado, também oferece uma proteção parcial contra a nova cepa do influenza. Por isso, a orientação é não deixar de se imunizar. A fórmula para se proteger é aquela que a gente se acostumou durante a pandemia de Covid-19, segundo o infectologista e colunista da BandNews FM Álvaro Furtado: “é importante que as pessoas continuem usando máscara e evitem locais críticos de transmissão com aglomerações”. 

O Butantan vai entregar 80 milhões de vacinas contra a gripe ao Ministério da Saúde. O Instituto disse que, caso o governo federal tenha interesse, pode aumentar a quantidade de doses. O Ministério da Saúde informou que acompanha com atenção o aumento de casos de influenza em alguns estados. A pasta afirmou, ainda, que não possui pendência com nenhum estado no que diz respeito à campanha do ano passado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias