Quarta, 19 de Janeiro de 2022
25°

Alguma nebulosidade

Teresina - PI

Política Política

Sem Disney e ônibus, Dr. Pessoa cumpre só 10% das promessas em um ano de gestão

Dr. Pessoa sonhava com o mirabolante, como construir uma Disneylândia, fazer 13 viadutos, construir mais um terminal de integração, fazer hospitais, porém a realidade

03/01/2022 às 16h09
Por: Redação Fonte: Portal O Dia
Compartilhe:
FOTO: Ascom Prefeitura
FOTO: Ascom Prefeitura

Nós vamos fazer parques de diversão, entre aspas, parecendo com a Disney aqui em Teresina” quem não se lembra da icônica promessa do prefeito de Teresina, Dr. Pessoa. Nem Disneylândia, nem transporte público. Ao final do seu primeiro ano como prefeito de Teresina, Dr. Pessoa cumpriu somente oito de cerca de setenta e cinco promessas feitas na campanha. O baixo percentual, pouco mais de 10% de promessas cumpridas, é um reflexo do governo que ainda aparenta não ter começado. Dr. Pessoa sonhava com o mirabolante, como construir uma Disneylândia, fazer 13 viadutos, construir mais um terminal de integração, fazer hospitais, porém a realidade é diferente, hoje o chefe do executivo municipal não consegue resolver problemas simples, como concluir obras paradas, retomar o transporte público ou pagar o 13° salário para servidores temporários.

O Dia avaliou todo o plano de governo do prefeito, promessa por promessa, e traz agora um balanço exato, com tudo o que foi prometido e não foi cumprido até o momento por Dr. Pessoa.

De cerca de 75 promessas feitas durante a campanha a prefeitura de Teresina, o prefeito cumpriu ao longo de 2021 apenas oito propostas, todas elas de menor relevância e com um baixo grau de impacto social. Boa parte das propostas

que foram realizadas se deram em função de projeto que já estavam em execução de gestões anteriores como criação de creches. Obras feitas com verba da gestão do ex-prefeito Firmino Filho. As outras propostas cumpridas foram: realizar atendimentos itinerantes, criar Pelotões Rurais da Guarda Civil Municipal, instalar guaritas de segurança em locais de grande circulação, instalar portais fixos na entrada de Teresina, criar o programa Teresina Acolhedora, criar a Política municipal de Economia Solidária e criar a Feira de Exposições do Produtor de Teresina.

Já quando falamos de promessas não cumpridas a lista é extensa 67 promessas de campanha do prefeito Dr. Pessoa não foram colocadas em prática, 89,3% de tudo que foi prometido. Algumas promessas chamam atenção por chegarem ao final do primeiro ano de governo sem qualquer sinalização de execução, nem mesmo os projetos começaram a ser desenvolvidos. É o caso das obras de infraestrutura, Dr. Pessoa prometeu Ampliar o acesso dos cidadãos e das comunidades à água potável, Construir sistemas simplificados de água nas áreas rurais e periféricas, Reformar o Mercado do Peixe de Teresina, Criar o Sistema Municipal de Informações sobre Saneamento Básico, criar 30 campos agrícolas na zona rural. Até o momento nenhuma sinalização de início das melhorias

Um ponto do plano de governo de Dr. Pessoa que mostrou a total desconexão com a realidade administrativa é o setor de mobilidade urbana. Em seu plano de governo o prefeito propunha aumentar o número dos terminais rodoviários, além de aumentar os corredores exclusivos para os ônibus. Hoje tanto o prefeito como o vice, Robert Rios, querem acabar com os terminais de integração que se tornaram pontos de vacinação contra a Covid-19.

Serviços Ineficientes

 

Quando se observa o plano de governo do Prefeito e as promessas feitas nas áreas de educação e saúde se chega a conclusão de que os dois eixos, principais para a sociedade, seguem sem conclusões. Na área de Educação, por exemplo, o prefeito fez 18 promessas, apenas uma foi cumprida. Dr. Pessoa prometeu, por exemplo, colocar biblioteca, quadra e laboratórios e dar tablets para todas as escolas e criar Passe Estudantil Gratuito, algo que não ocorreu. Das seis promessas na área de saúde nenhuma foi cumprida. O Hospital da mulher, uma das maiores bravatas de Dr. Pessoa, nem projeto tem.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias